Capa

Criei um infoproduto. E agora?

Planejamento e estratégias são importantes para empreender no mercado digital
(Divulgação)

Um dos nichos mais explorados pelos empreendedores digitais são os infoprodutos
(Divulgação)

Edson Moreira, CEO & Founder da TurboMKT
(Divulgação)

Não basta criar um infoproduto e lançar no mercado. Planejamento e estratégias fazem parte de quem quer empreender no mercado digital

23.10.2019  |  368 visualizações

Um estudo apresentado pela PayPal em parceria com a Ipsos, mostrou o “Perfil do Consumidor Online”, e os números do mercado online são impressionantes. Estima-se que em 2020, as compras realizadas pela internet atinjam cerca de R$ 220 bilhões. Diante deste contexto, o empreendedorismo digital tem ganhado força, cujo foco de atuação está em oferecer um produto ou serviço pela internet. 

Um dos nichos mais explorados pelos empreendedores digitais, por conta do alcance e alta escalabilidade de lucros, são os infoprodutos – conteúdos gerados por meio de e-books, audiobooks, vídeoaulas, podcasts, entre outros. “O primeiro passo para a criação do infoproduto é identificar um problema da sua audiência, que possa ser resolvido com o seu conhecimento. É importante saber como o conteúdo sanará as dores do público, por isso, o foco não deve ser as vendas, e sim, em ajudar as pessoas”, resume o CEO & Founder da TurboMKT, Edson Moreira. Alcançar o sucesso no mercado digital requer disciplina, foco e resiliência. Os resultados podem demorar a aparecer, mas o progresso deve ser mais importante que a perfeição. É preciso analisar os números e fazer os ajustes necessários. 

Após a finalização do infoproduto, ele não pode simplesmente ser exposto no mercado. “O sucesso começa no seu lançamento e, para isso, existem diversas estratégias que exigem estudo por parte do empreendedor e devem ser aplicadas antes de iniciar as vendas”, explica Moreira. O CEO da TurboMKT, que participa do Inovativa 2019.2 – o maior programa de aceleração de startups do Brasil –, recomenda respeitar a máxima: venda o que seus clientes desejam, entregue os que seus clientes precisam. “De nada adianta apresentar em detalhes a solução, se a audiência tiver uma percepção diferente dela. Além desse erro existem outros muito comuns, ao criar o infoproduto: precificação errada; lançamento fora do ‘timing’ correto e entrega do infoproduto desalinhada com a oferta apresentada”. 

Definidos os infoprodutos, é hora de escolher a plataforma de venda para fazer a distribuição dos produtos digitais, intermediação, processamento das vendas e pagamentos, repasse de valor, além do auxílio das estratégias de venda. “Nosso atendimento é personalizado e humanizado para que os clientes alcancem resultados melhores. Somos a única plataforma que oferece o Programa de Aceleração Digital, onde o empreendedor conta com uma equipe de especialistas para auxiliar na criação do seu produto digital, bem como toda a estratégia envolvida na divulgação - desde a ideia até o início das vendasÉ possível fazer com que o conhecimento de um único indivíduo, ajude milhares de pessoas; e o melhor, com uma remuneração surpreendente”, comenta Moreira, que recebeu o prêmio como uma das três melhores startups de 2019 na categoria Inovação Digital, pela ABComm – Associação Brasileira de Comércio Eletrônico.

Leia também...

16.01.2020

Taxa de inadimplência de MEI é alta

Segundo dados divulgados pela Receita Federal, em 2019, o número de inadimplentes do MEI - Microempreendedor Individual - supera os 50% de contribuintes em vários estados brasileiros

17.12.2019

Condomínio: um dos ambientes mais discriminatórios que existem

Dentro de um condomínio, ocorrem todas as ocorrências possíveis de discriminação. Porém, os direitos básicos do próximo não podem ser desrespeitados, seja ele o vizinho, funcionário ou visitante

11.12.2019

BMW é a moto oficial do Rally Ecológico

Um grande evento tem grandes parceiros, e o Rally Ecológico Cuiabá 2020 anunciou a entrada da BMW na mais tradicional prova de rali de regularidade do Centro-Oeste

09.12.2019

Ello MotorSports conquistou o quarto lugar no Sertões Series Rota Sul

A dupla Salvio da Costa Júnior e o navegador Eduardo Alexandre da Silva subiu ao pódio da categoria Production T2, em uma competição que inovou e trouxe longas retas para pilotos e navegadores abusarem da alta velocidade

Entre em contato